Jovem golpeado com chave de fenda no nariz foi morto após dizer que gostava de se masturbar, diz polícia

Vítima teria dito, em roda de amigos, gostar de masturbação e suspeitos se incomodaram. Caso é acompanhado pela Delegacia de Homicídios de Porto Velho.

Jovem morto a golpes de faca e chave de fenda no último mês de dezembro, em Porto Velho — Foto: Facebook/Reprodução

Dois homens suspeitos de ter matado Diego Leonardo, com golpes de chave de fenda no nariz, foram presos no começo desta semana pelo serviço de investigação da Delegacia de Homicídios em Porto Velho. O crime foi em dezembro do ano passado. Após a prisão, a dupla afirmou que matou Diego depois dele dizer, em uma roda de amigos, que gostava de se masturbar.

A dupla, que estava com pedido de prisão temporária decretada desde a última sexta-feira (11), se apresentou espontaneamente, acompanhada de advogados, na segunda-feira.

Depois de serem ouvidos, os suspeitos foram recolhidos ao sistema prisional, onde devem permanecer presos por até 30 dias, ou até que seja finalizado o inquérito policial.

Além de enfiarem a chave de fenda no nariz do jovem várias vezes, os criminosos golperam a vítima com uma faca no rosto, abdômen e pernas de Diego.

“Ainda não encontramos a faca usada no crime e falta ouvir algumas testemunhas, mas eles já confirmaram a autoria do crime”, explicou ao G1 um investigador da Delegacia de Homicídios.

De acordo com o investigador, a perícia da Polícia Civil encontrou digitais de um dos suspeitos na chave de fenda usada para matar o rapaz. Essa prova, somada a confissão e depoimento de testemunhas, deve resultar na prisão definitiva dos suspeitos.

Motivação do crime

De acordo com depoimento da dupla, no dia do crime, os suspeitos, acompanhados das respectivas namoradas, e a vítima ingeriam bebidas alcoólicas e fumavam maconha.

Em dado momento o rapaz teria dito que gostava de se masturbar. Os suspeitos o repreenderam, mas ele teria voltado a falar de masturbação, o que deixou a dupla irritada.

Houve luta corporal entre os três e os dois homens se armaram, um com uma faca e outro com uma chave de fenda. Em seguida investiram contra o rapaz, golpeando-o no nariz e em várias outras partes do corpo. Quando foi encontrado, ele já estava morto.

Além do homicídio, a dupla é suspeita de envolvimento em vários assaltos. “Ainda na segunda-feira, cumprimos mandado de busca na casa da mãe de um deles e encontramos uma arma de fogo (garrucha) e um simulacro de pistola”, informou um investigador da Homicídios.

promoção plan da sorte

Comentarios

Todos os comentários são de responsabilidade dos seus idealizadores.