Confúcio é presidente da Comissão que irá fiscalizar gastos da calamidade pública

A comissão especial mista de acompanhamento dos gastos do governo federal criada a partir do Decreto Legislativo nº 6, de 2020, que tem por objetivo verificar a situação fiscal, a execução orçamentária e financeira das medidas relacionadas à emergência de saúde pública causada pelo coronavírus, elegeu, por aclamação, nesta segunda-feira (20), o senador Confúcio Moura (MDB-RO) presidente, a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) vice-presidente, e o deputado Francisco Júnior (PSD-GO) relator.

Composta de seis senadores e seis deputados, com igual número de suplentes, a comissão temporária mista se reunirá mensalmente com a equipe econômica do Governo Federal, incluindo o Banco Central (Bacen) e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O senador Confúcio Moura disse que vai estabelecer um cronograma mensal com a equipe econômica e pretende iniciar logo os trabalhos. “Estamos atrasados. Temos de fazer logo um retrospecto e trabalhar esses 30 dias passados”, afirmando que irá acelerar as assessorias para estarem ao lado do Relator, para que todos possam fazer um bom trabalho. ”Vamos apresentar dados técnicos  e buscar o que é essencial, que é realmente o dinheiro e os recursos chegarem à ponta”, enfatizou.

 

Depois de eleito, Confúcio Moura leu um requerimento ao Presidente do Congresso Nacional, Davi Alcolumbre (DEM-RR), solicitando que sejam disponibilizados dois técnicos do Tribunal de Contas da União (TCU) e dois técnicos da Controladoria-Geral da União (CGU) para acompanhar a Comissão, com o objetivo de auxiliar nos trabalhos.

Em Tempo

Confúcio Moura explicou que, por problemas técnicos, a TV Senado não transmitiu a reunião, para que ela fosse transparente e de conhecimento do povo brasileiro, mas entrará em contato com o Presidente do Senado, Davi Alcolumbre, para solicitar que a próxima reunião seja veiculada pelos canais da TV Senado e da TV Câmara.

REDAÇÃO: JUAREZ SODRÉ

FONTE: folhaderondonianews.com

Comentarios

Todos os comentários são de responsabilidade dos seus idealizadores.